Soymilke sabor Farinha Láctea

Faz tempo que não trago a resenha de um produto sem proteína do leite de vaca, por isso trago hoje a nossa opinião sobre o Soymilke sabor Farinha Láctea, uma mistura para o preparo de mingau com soja, única no mercado.

Soymilke sabor Farinha Láctea

Experimentei o Soymilke na última semana, e como a embalagem é bastante parecida com a Farinha Láctea da Nestlé, imaginei que o sabor fosse idêntico, mas não é. O sabor é parecido, mas é difícil aceitar o mingau com soja para quem é apaixonada pela Farinha Láctea da Nestlé, como eu.

Como a minha filha não conhece o sabor da Farinha Láctea da Nestlé, ela aceito o mingau com soja. O Soymilke sabor Farinha Láctea é uma boa alternativa para intolerantes à lactose e alérgicos à proteina do leite de vaca.

Quem acompanha o Blog Desafio Mamãe, sabe que iniciamos o teste de provocação desde o dia 14 de junho e pode estar se perguntando o porquê de eu ainda oferecer produtos a base de soja. Isso acontece porque ainda tenho em casa muitos produtos a base de soja, resultante deste um ano da sua dieta de exclusão (leia o relato completo da descoberta da APLV, aqui).

E você, o que achou da mistura para o preparo de mingau com soja Soymilke sabor Farinha Láctea, da Olvebra? Comente!

Um abraço,

Mari.

Share and Enjoy

  • Add to favorites
  • Email

Margarina x creme vegetal

Com embalagens muito semelhantes e expostos uns entre os outros nas prateleiras dos supermercados, a margarina e o creme vegetal são comumente confundidos. Porém, a margarina deve ser evitada por pessoas com alergia à proteína do leite de vaca, uma vez que contém até 3% de gordura láctea, leite ou soro de leite em sua composição. Já os cremes vegetais podem ser consumidos por pessoas com APLV, pois não possuem leite em sua formulação.

Aqui em casa usamos o creme vegetal Becel pela facilidade de encontra-lo para venda, mas é bom conhecermos os cremes vegetais existentes no mercado atualmente. São eles:

Margarina x creme vegetal
Becel®

 

Margarina x creme vegetal
Margarella®

 

Margarina x creme vegetal
Soya®

Fonte: Revista Crescer

Atenção: Com exceção do creme vegetal Becel, as demais podem conter traços de leite.

Um abraço, Mari.

Share and Enjoy

  • Add to favorites
  • Email

Páscoa sem Leite de Vaca

Até hoje usamos os ovos de chocolate para presentear amigos e familiares na Páscoa. Os ovos de chocolate vieram dos Pâtissiers, franceses que recheavam ovos de galinha, depois de esvaziados de clara e gema, com chocolate e os pintavam por fora. Os pais costumavam esconder ovos nos jardins para que as crianças os encontrassem na época da Páscoa. Com melhores tecnologias, a partir do final do século XIX, se difundiram os ovos totalmente feitos de chocolate. Fonte: Wikipedia.

E para crianças com Alergia à Proteíona do Leite de Vaca, como fazemos?

Esta resposta é fácil, pois existem diversas marcas de ovos de Páscoa sem leite de vaca no mercado. Inclusive, alguns Blogs Parceiros já divulgaram a lista. Consulte-as clicando aqui e aqui.

Mas, como lidar com as outras situações, como festas de escola, reuniões entre amigos e/ou família?

Este ano é a primeira Páscoa após a descoberta da APLV da nossa filha. Antes de um ano de idade, quando descofiávamos de intolerância à lactose, ela ainda não consumia chocolates.

Na escola, a semana inteira foi recheada de eventos para comemoração à Páscoa. Nos dois primeiros dias, houve oficina de artes onde as crianças produziram enfeites de Páscoa. No terceiro dia, a programação foi culinária de Páscoa, e no quarto dia, houve festa com pratos de doces e salgados levados pelas crianças. E, é aí que entra o nosso jogo de cintura para contornar a APLV.

A culinária de Páscoa foi dividada por turmas, onde a primeira turma produziu brigadeiros, a segunda turma (a turma da minha filha) produziu salada de cenoura e bolo de cenoura com cobertura de chocolate, e a terceira turma produziu bolo de chocolate e biscoitos cobertos de chocolate.

Assim, conversei com a diretora pedagógica e com a professora da minha filha, para combinarmos que ela deveria consumir somente o brigadeiro e o bolo de chocolate que enviei de casa. Não me preocupei com os biscoitos cobertos de chocolate porque ela não gosta. A receita de bolo de cenoura não leva leite de vaca e solicitei que, se possível, a cobertura fosse feita com Becel para substituir a manteiga e que fosse usado Chocolate do Padre em subistituição ao achocolatado. De qualquer maneira, a minha filha contou que só comeu aquilo que levou de casa.

Mandei de casa brigadeiros e cupcakes de chocolate com cobertura de brigadeiro (no lugar do bolo de chocolate), ambos sem leite de vaca. Eles foram encomendamos e feitos com muito capricho pela Rainha do Brigadeiro. Quem não conhece a receita, não diz que o cupcake não leva leite de vaca, e o brigadeiro, embora com um pouquinho do gosto da soja, é de comer rezando. Super recomendo!

Rainha do Brigadeiro

Para a festa do último dia, onde os meninos deveriam levar um prato de doce e as meninas um prato de salgado, a minha filha levou pastéis de carne e mais uma bandeja de brigadeiros sem leite de vaca. Ao todo, foram enviados 18 unidades de brigadeiro e não sobrou nenhum para contar história. Até mesmo as crianças não alérgicas quiseram experimentar e gostaram dos brigadeiros. Como lembrança, todas as crianças ganharam um ovo de Páscoa do coelhinho que foi animar a festa. Previamente enviado para a escola, como o combinado com a diretora pedagógica, a minha filha ganhou o ovo zero lactose da Cacau Show.

Ovo Zero Lactose

Em reunião entre amigos, onde somente haveria a minha filha de criança, pedi o favor de: nada de ovos de Páscoa! E não tivemos problemas.

Na manhã do domingo de Páscoa, meu marido e eu a presenteamos com o ovo zero lactose, mas na embalagem do ovo Chocobichos, também da Cacau Show. Além disso, neste ano, fizemos uma surpresa muito especial para ela: a presenteamos também com um coelhinho, o seu primeiro bichinho de estimação. Não sabemos ao certo por quanto tempo ficaremos com ele em casa, pois meus pais possuem um sítio, onde pode ser a sua próxima morada, mas prometo fazer um post inteirinho sobre ele. Ela adorou, e desde então, estou cuidando dele com todo o carinho do mundo!

Ovo Chocobichos da Cacau Show

Durante o resto do domingo de Páscoa, comemorado com  a família, tirei o foco dos ovos de Páscoa e presenteamos  a todos com cupcakes sem leite de vaca e uma lembrança especial: um calendário do ano personalizado com foto da minha filha com a família presenteada. Uma novidade que agradou a todos! Todos a presentearam com chocolates sem proteína do leite de vaca.

No final do domingo, meu marido e minha filha presentearam-me com dois ovinhos pintados por ela, tal como os  Pâtissiers, que citei no início do post. Uma surpresa preparada pelo meu marido. Nem preciso dizer que adorei e guardei com muito carinho, né?

Contudo, driblamos muito bem a APLV e tivemos mais uma Páscoa muito, muito feliz!

Um abraço, Mari.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Share and Enjoy

  • Add to favorites
  • Email